Mais um copo | Bang Bang Escrevi

Mais um copo

15 de ago de 2010
Ei garçom, desce mais uma nessa mesa
tira de mim toda essa tristeza
leva esse copo amargo e vazio
e traz outro cheio e frio

eu não aguento mais tanta hipocrisia
escrever pra falar de vida
amanhecer com tédio
porque a rotina me feriu

Essa dependência química de adrenalina
viver aos extremos para encontrar rima
faça dessa a última reunião
me traz também um sabonete e um esfregão

quero lavar essas almas mortas
de gente que não sabe o que quer
aceitando caminhos para o que der e vier
querendo viver certo em linha torta

A torta do desprezo social
sem mudar os rumos, a vida igual
se todos com essa rotina se conformam
porque ficar mexendo com os que se acomodam

Quem realmente quer, não precisa do meu empurrão
basta um grito, surge uma ação
de minoria que fácil enfrenta
o medo que nos atormenta

Ainda assim volto a dizer
A todos que o caminho é amar
porque pra morrer...
basta vivo estar.
Victor Candiani

Uma pessoa que gasta muito tempo com livros, filmes e séries.

Comentários
1 Comentários
Um comentário:

 
Bang Bang Escrevi | Todo conteúdo está sob a proteção da licença Creative Commons 3.0.