Liberte-se | Bang Bang Escrevi

Liberte-se

1 de jul de 2011
Quando digo liberte-se, quero que entendam que engolir o que já está mastigado é ser escravo dos outros, é abrir mão do direito puro de opinião e defender um ponto de vista de alguém que já é livre.
O que mais vejo nesse Tumblr, falando em termos gerais, são pessoas que perderam a esperança e deixaram de lutar, quem abandona a vida ou deseja piamente que isso aconteça. Pessoas que se sentem sozinhas e o pior, talvez sejam as pessoas que acham que a vida perfeita é uma fantasia. Agora, pessoas de pouca fé, respondam-me:

Como você vai recuperar a esperança se fica aqui chorando suas mazelas, se fazendo de coitadinho(a)? Se não se arrisca por medo?
Como vai voltar a ser feliz se não ama a vida e luta por ela? Não me venham dizer que estão cansados, seus bastardos!
E como vão ter amigos se só sabem conversar com quem está longe de você? Só porque as pessoas têm a tendência de te magoarem? Não brinca!

Tudo pode ser uma questão de proteção. Proteção contra magoas futuras, mas quem não se magoa, não vive. A mágoa faz parte do crescimento, dá libertação. Só pode levantar quem está caído e só é possível se encontrar se está perdido. Todos podem estar ou ficar de saco cheio das pessoas, mas não é justo, consigo mesmo, deixar que o medo te impeça de viver completamente.
Sei que falo, muitas vezes, de pessoas que estão em fase de construção de carater. Falo de meninos e meninas entre 12 e 16 anos, período crucial pra formação da personalidade. Vocês futuros pensadores o que querem ser?
Querem ser com 25 anos essa mesma menina chorona e mimada que são hoje? Quer continuar se magoando com homens? E você menino? Quer ser essa pessoa que se isola por que tem medo? Que acha a rebeldia sem causa algo esplêndido? Digam! Querem ser só mais um punhado na grande massa que já existe hoje? Querem ser escravos dos chefes, da sociedade e de si próprios para sempre? Pois por isso digo: Quebrem a cara, e quebrem com gosto ou serão inúteis às mudanças do mundo.
Só assim, por mais dramático que possa parecer é que aprenderão a viver. Só se aprende uma coisa quando você lida com ela ou vai dizer que você sabe cozinhar, mas nunca fritou um ovo? A prática leva você a levantar cada vez mais rápido, cada vez com mais perfeição. Até que um dia você para de cair.
Victor Candiani

Uma pessoa que gasta muito tempo com livros, filmes e séries.

Comentários
0 Comentários
Deixe seu comentário
Postar um comentário

 
Bang Bang Escrevi | Todo conteúdo está sob a proteção da licença Creative Commons 3.0.